table-2723873_960_720

Você conhece o autoexame de mama?

O aumento em casos de câncer de mama tem sido cada vez mais recorrentes dentre as mais variadas idades.  No Brasil, é o tipo de câncer mais comum depois do câncer de pele.

Mas o que é o câncer de mama?

“É uma doença resultante da multiplicação de células anormais da mama, que forma um tumor com potencial de invadir outros órgãos. Há vários tipos de câncer de mama. Alguns se desenvolvem rapidamente e outros não. A maioria dos casos tem boa resposta ao tratamento, principalmente quando diagnosticado e tratado no início.” (Cartilha do Câncer de mama: é preciso falar disso, 2016)

Engana-se quem pensa que somente mulheres podem ter câncer na mama. Homens também são afetados ainda que sejam casos mais raros. Segundo dados da cartilha do INCA, 1% da população afetada no Brasil é de homens. Mesmo sendo uma quantidade pequena, é importante estarmos conscientizados quanto a essa possibilidade.

É bom lembrarmos também que não existe idade para o câncer. A chance de desenvolvimento da doença aumenta após os 50 anos, o que não significa que pessoas mais novas estão imunes ao câncer. É preciso estar atento e não deixar de realizar exames de rotina.

Podemos prevenir?

Ainda não existe uma formula capaz de imunizar pessoas contra o câncer. Entretanto, podemos adquirir pequenos hábitos que ajudam a diminuir os riscos:

  • Praticar exercícios
  • Manter o peso corporal adequado
  • Evitar o consumo excessivo de bebida alcoólica
  • Evitar exposição a radiação
  • Manter uma alimentação saudável

O autoconhecimento também é fundamental. Estar familiarizado com seu próprio corpo pode facilitar no reconhecimento de sintomas suspeitos.

Que sintomas são esses?

  • Aparição de Caroços (nódulos) que podem ser indolor.
  • Alterações no bico do peito. Pele da mama avermelhada, retraída ou parecida com casca de laranja.
  • Pequenos nódulos na região embaixo dos braços (axilas) ou no pescoço.
  • Saída de líquido anormal das mamas.

Faça o autoexame!

“Todas as mulheres, independentemente da idade, podem conhecer seu corpo para saber o que é e o que não é normal em suas mamas. A maior parte dos cânceres de mama é descoberta pelas próprias mulheres.” (Cartilha do Câncer de mama: é preciso falar disso, 2016)

Fazendo o autoexame conseguimos detectar possíveis sintomas. É rápido e fácil de fazer e pode salvar sua vida!

As chances de cura do câncer são bem maiores quando o mesmo é detectado em seus primeiros estágios.

Auto-Exame-de-Mama

Fonte da imagem acima: http://www.clinicadamama.com.br/passo-passo-autoexame-da-mama-e-sua-importancia/

 

Toque-se! Adicione o autoexame em sua rotina.

Esteja em dia com sua saúde! a-foto-outubro-rosa-laço-ab

Fonte: Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva Câncer de mama: é preciso falar disso. / Instituto Nacional de Câncer José Alencar Gomes da Silva. – 4. ed. – Rio de Janeiro: Inca, 2016. Disponível em: http://www.inca.gov.br/outubro-rosa/material/cartilha-cancer-de-mama-vamos-falar-sobre-isso-2016-web.pdf

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *