Angiodema hereditário

O angioedema hereditário, acompanha de inchaços na pele, podendo surgir na face, mão, pés, órgãos genitais, entre outros locais do corpo. O problema é que estes inchaços também podem ser internos, atingindo intestinos, pulmões, laringe e causar complicações, podendo até mesmo levar à morte.

A Associação Brasileira de Alergia no Rio de Janeiro – ASBAI-RJ realizou em sua sede o I Encontro de Portadores de Angioedema Hereditário, uma iniciativa conjunta com a Abranghe, com objetivo de promover a troca de informações e buscar soluções para a doença. O angioedema hereditário faz parte do grupo de doenças raras, mas os dados atuais contestam esta classificação: sua prevalência é significativa, uma em cada 33.000 pessoas. E talvez seja mais do que isso, pois muitas vezes demora-se para diagnosticar e tratar por falta de reconhecimento da doença entre médicos e leigos.

Veja outros detalhes

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *